Skip to content Skip to footer
Intelligence Hub

Ranking Digital União Europeia - 2022

Análise do Índice de Digitalização da Economia e Sociedade (DESI) de 2022, nos 27 Estados-membros da União Europeia.

Portugal, juntamente com os restantes 26 Estados-Membros da UE, foi posto à prova em novos domínios, com novos modelos de trabalho, novos canais digitais, novos métodos de capacitação e requalificação e novas exigências ao nível da segurança. Tudo áreas onde a tecnologia e a maturidade digital da nossa sociedade assumiram um papel central na resposta às crises que atravessamos.

Segundo o Digital Economy and Society Index (DESI) de 2022, Portugal continua atrás da média europeia, ocupando o 15º lugar entre os 27 Estados-membros, tendo subido uma posição face a 2021. O pódio é ocupado pela Finlândia, Dinamarca e Holanda.

Pela positiva, destaca-se a utilização de tecnologias para sustentabilidade ambiental em 1º lugar, a partilha eletrónica de informação e a utilização de IA, ambas em 2º lugar, e a adesão a banda larga e a cobertura de fibra ótica, ambos em 3º lugar. Pela negativa, Portugal é o penúltimo país onde o preço da banda larga é mais elevado, na cauda da Europa em percentagem de licenciados em TIC (25º lugar), com um dos menores usos de dados abertos (23º lugar). As competências básicas de software colocam-nos no 21º lugar, a utilização de redes sociais nas empresas em 22º e os utilizadores de e-Government em 21º.

O DESI é um indicador quantitativo, publicado anualmente, desde 2015, pela União Europeia, que pretende avaliar e comparar a competitividade digital dos 27 Estados-Membros, identificando políticas nacionais e áreas de intervenção prioritárias para a inovação digital sustentada. Esta análise é estruturada em quatro dimensões fundamentais – Capital Humano, Conectividade, Integração de Tecnologia Digital e Serviços Públicos Digitais –, que são detalhadas em 33 indicadores, permitindo o acompanhamento da sua evolução ao longo do tempo.

Fonte de dados: Comissão Europeia – Eurostat

Relacionados

Análise das faltas dos deputados a sessões plenárias, nas legislaturas XIII e XIV

Análise do Índice de Perceção de Corrupção (CPI) de 2021, da Tansparency International

Análise do desempenho dos Eurodeputados, antes das eleições europeias de 26 de Maio de 2019